5 Jogadores Que MERECEM Dar o Salto para Benfica, Sporting ou FC Porto

A principal competição do futebol português arrancou há mais de 10 jornadas, e desde aí, que jovens jogadores e outros mais experientes se tem chegado à frente com exibições de qualidade.

Fomos descobrir quais são estes jogadores, que neste caso tem ajudado e muito as suas equipas com as suas prestações individuais.

Nesta lista encontram-se 2 portugueses e ambos da equipa sensação da Liga Bwin, o Estoril. Consegues adivinhar quem são? Todos eles ocupam funções do meio campo para a frente e lideram as estatísticas de influência em chances claras de golo criadas pela sua equipa.

5. Jhon Murillo – Tondela

Começamos pelo venezuelano que se tornou frente ao FC Porto no jogador com mais jogos pelo Tondela na Liga: 151 em 4 épocas. Uma marca histórica que os beirões registaram no site e redes sociais.

O extremo rapidíssimo tem emprestado muita dinâmica e intensidade ao setor ofensivo da equipa de Pako Ayesterán. Sinónimo disso é elevado nível de influência que apresenta na participação em golos da sua equipa. À 9ª jornada, já marcou 2 golos e assistiu por 3 vezes, uma percentagem de 38% dos golos da sua equipa, Murillo esteve envolvido.

No último ano de contrato com a turma de Tondela, poderá esta ser a época em que Murillo dá o pulo para um dos grandes? Partilha a tua opinião.

4. Fran Navarro – Gil Vicente

Com um começo de sonho na primeira aventura fora de Espanha, Fran Navarro está a ser uma das sensações neste arranque de temporada da Liga Portuguesa. Em sintonia com o bom começo de temporada do seu clube, o Gil Vicente, o espanhol é por estes dias o homem-golo da equipa de Barcelos, com cinco tentos à oitava jornada (alinhou em sete partidas).

Este registo coloca Navarro como o jogador gilista com maior veia goleadora no tiro de partida em campanhas da I Liga, na temporada de estreia no máximo escalão do futebol português, deixando para trás Cláudio, central que foi uma das referências do emblema minhoto no início da década passada, bem como outros nomes com arranques fulgurantes pelo clube.

Com mais de meia época ainda por jogar, Navarro começa agora a fazer mira para o top-5 de jogadores mais concretizadores dos Galos na competição. Numa lista liderada por Paulo Alves (28 golos), Fran Navarro tem dois nomes, em teoria, mais possíveis de alcançar na época que decorre: Hugo Vieira (nove golos) e o já referido Cláudio (12 golos), podendo atingir mais um feito de grande relevância até ao término desta edição da Liga.

O espanhol de 23 anos já viu o seu valor de mercado duplicar desde que chegou a Barcelos, cifrando-se agora em 600 mil euros.

3. Bruno Lourenço – Estoril

O alfacinha Bruno Lourenço que começou no futebol 7 do Sacavenense, cedo demonstrou talento para acariciar a bola, o que levou o Benfica a recrutá-lo em 2008/2009.

Nove épocas de águia ao peito com empréstimos ao Aves e Montalegre antes de ingressar no Estoril Praia em 2020. Tem sido peça fundamental na forma de jogar canarinha, ligando muito bem setores através do seu passe criterioso. Com um passe avaliado em 600 mil euros e contrato até Julho de 2023, Bruno Lourenço poderá muito bem saltar para um dos 3 grandes muito brevemente.

2. Simon Banza – Famalicão

Os resultados neste arranque de época podem até não estar a fazer jus à qualidade existente no plantel, mas a verdade é que há um nome que se vai destacando dos demais na frente de ataque do Famalicão: Simon Banza.

O ponta-de-lança francês de 25 anos, emprestado pelo Lens, participou em 7 jogos até ao momento, tendo já feito 7 golos, aos quais junta duas assistências (ambas no último duelo, em casa da Académica, com triunfo por 4-0 a contar para a Taça de Portugal – Banza marcou um dos golos).


Para se ter noção, nos seis jogos em que Banza participou, o Famalicão marcou 13 golos, sendo que sete tiveram participação direta ou indireta do atacante francês que, antes de chegar, ainda esta época, ao serviço do Lens, contribuiu com um golo para o triunfo por 2-0 na casa do Mónaco.

Simon Banza é mais um caso de sucesso na prospeção do Famalicão, e o facto de ser o atual melhor marcador da equipa (com menos jogos que a concorrência), espelha isso mesmo.

O passe do francês de 25 anos emprestado pelo Lens está avaliado em €2.5M.

1. André Franco – Estoril

Mais um menino, mais um mágico que desde a sua chegada ao Estoril não tem tido piedade dos adversários com rasgos de magia e golos marcados pelos canarinhos. Só esta época já leva cinco na liga e está entre os jogadores com mais oportunidades criadas para a sua equipa.

Habitualmente a jogar nas costas do avançado, não abdica de se sacrificar em prol da equipa procurando manter sempre o equilíbrio na zona central.

Formado em Alcochete até aos juniores, onde esteve também cedido ao Belenenses, na época de 2018/2019 transferiu-se para o Estoril procurando o seu espaço no plantel sub-23. Assumiu a titularidade e pegou destaque o ano passado no miolo que viria a explanar muita qualidade de jogo na subida à primeira divisão portuguesa.

O jovem craque a acompanhar que tem o seu passe avaliado em meio milhão e euros e contrato até 2022.

Esta é com certeza a época de afirmação de André Franco, que encaixaria que nem uma luva no meio campo leonino, podendo ser uma alternativa a Matheus Nunes e Daniel Bragança na zona central, ou mesmo para atuar numa das extremas – papel que desempenha melhor descaído para a direita procurando jogo interior).

E tu campeão? Qual achas que é o melhor destino para André Franco? Que outros jogadores acrescentavas a esta lista? Já sabes responde a estas perguntas aqui em baixo.