TOP 10 JOVENS MAIS PROMISSORES DO SC BRAGA

A formação do Sporting Clube de Braga cresceu exponencialmente na última década e atualmente equipara-se aos 3 grandes, não só ao nível de recursos logísticos como na qualidade do seu processo de recrutamento.

Os bracarenses têm um elenco de qualidade em praticamente todos os escalões do clube, numa aposta de futuro que António Salvador implementou pela Cidade Desportiva.

Por todos estes motivos, e porque aqui no MTL não contam só os 3 grandes, decidi ir estudar a formação do clube para vos trazer o TOP 10 de jovens mais promissores do SC Braga.

10. Edgar Braga

Natural de Terras do Bouro, Edgar Braga agora com 19 anos começou a dar os primeiros toques na bola no CB Povoa do Lenhoso. Em 2013, passou a ser gverreiro intercalando as suas épocas com empréstimos ao Palmeiras FC, clube da distrital de Braga.

Um médio defensivo que pode também atuar perto da linha como lateral direito. Quando atua no miolo não se esconde, vem buscar jogo entre centrais e tem boa técnica de passe. Aparece em zonas avançadas e arma fácil o remate. Além disto, é um dos dos batedores de serviço da equipa.

O jovem com apelido do emblema que serve tem contato com o clube minhoto até Junho de 2023 e tem sido aposta regular na equipa de Artur Jorge que milita na Liga Revelação.

9. Mateus Santos

O menino de 17 anos nascido em Esposende tem um pé esquerdo de deixar água na boca. Começou nos sub11 do Fão, depois passou pelo Gil Vicente até aos sub-15 onde chegou ao SC Braga.

Titularíssimo da equipa de Pedro Pires, a magia de Mateus Santos fez dele um dos médios em grande destaque da fantástica temporada dos Sub-17, tendo atuado como titular em 23 dos 25 encontros realizados pela equipa no Campeonato Nacional. António Salvador antecipando quaisquer interesses blindou o jogador até 2023.

8. Nuno Cunha

Este é mais uma das jóias da coroa da Cidade Desportiva. Deixou Braga por duas épocas e meia para ingressar no Benfica envolvido na transferência de Rui Fonte para a Luz mas em 2019 voltou e sente-se um privilegiado por ser gverreiro novamente.

Aos 20 anos, o médio centro que tem contrato até 2023 e é representado pela Stellar Sports é um dos talentos que muito se espera. Aposta regular de Artur Jorge conta já com 20 presenças pelos sub-23 minhotos. É chamado regularmente à seleção nacional onde já atuou por mais de 27 vezes desde os sub-15 aos sub-17.

7. Miguel Falé

Miguel Falé é um produto de prospeção dos gverreiros dado que fez a sua formação até aos sub-15 no Benfica, passando pelo Lusitano de Évora em 2017/2018 antes de rumar a Braga na época seguinte. Um avançado bastante veloz e com faro de golo. Gosta de atacar a profundidade e tirar partido das costas da defesa para finalizar em 1×0 com o GR.

Na sua época de estreia de iniciados no Braga fez 31 golos em 21 jogos, um belo chamariz. Já nesta temporada, o atacante de 17 anos tem apenas 2 golos em 17 partidas.

6. Bernardo Caldeira (Bernas)

Mais uma excelente aquisição de prospeção bracarense, ao recrutar o lateral direito formado no Belenenses com passagem pelo Sacavenense. Chegou em 2018 à Cidade Desportiva e é uma das promessas da equipa sub-23.

Titularíssimo no corredor direito do setor defensivo de Artur Jorge, acrescenta agressividade e profundidade pela linha cruzando com muito recorte técnico, uma das suas armas. Conta com 20 presenças e 2 golos marcados esta época na Liga Revelação.

5. Bernardo Couto (Berna)

Um jovem gverreiro cheio de magia… É daqueles que parece que tem cola na bota. Berna como é conhecido atua como 8 podendo também jogar a 6 numa função de construtor de jogo recuado. Muita qualidade técnica e de passe, quando joga a 8 falta-lhe afinar o timing de ataque a zonas de cruzamento. Mais um diamante no cofre de António Salvador

Internacional português pelo escalão de júnior, Bernardo Couto atuou em 18 jogos pela equipa sub-23, 7 pela equipa B e já treinou com a equipa principal. É dos primeiros prodígios desta lista que será lançado brevemente por Carlos Carvalhal.

4. Rodrigo Macedo

Uma época tremenda com 25 golos em 21 jogos ao serviço da equipa sub-17 do Braga valeram a Macedo o selo de renovação que viria a acontecer em Junho do ano passado. Com contrato até 2023, o ponta-de-lança móvel leva +12 anos de Braga e a sua veia goleadora não surgiu apenas em 2019/20. De assinalar que nas 3 épocas transatas, ao serviço dos sub-15, sub-16 e sub-17, o avançado faturou por 48 vezes em 70 partidas!

3. Rodrigo Gomes

Chegamos ao top 3 de jovens mais promissores do SC braga com Rodrigo Gomes a ficar com o bronze. Apresento-vos o mais jovem titular da história bracarense que conseguiu este feito ao ser escolha para o 11 no jogo contra o Olímpico de Montijo para a Taça de Portugal com apenas 17 anos, cinco meses e sete dias. Para finalizar esta breve biografia deixo mais 2 apontamentos.

O primeiro, umas palavras de António Salvador na entrevista à NEXT, TV do SC Braga, onde afirmou que Rodrigo Gomes vai ser o maior talento a sair da academia do clube a seguir a Francisco Trincão, que viajou para Barcelona. Segundo apontamento, já participou em 6 jogos pela equipa principal e 13 pela equipa sub-23 onde faturou por 8 vezes.. Tudo isto com apenas 17 anos!

2. Francisco Moura

Mais um diamante bracarense que já começou a ser lapidado pelo mister Carvalhal até se lesionar com gravidade no joelho esquerdo no decorrer de um treino no inicio desta temporada. No jogo antes de se lesionar fez um bis no estádio da luz, esse que foi o seu 8 jogo na corrente temporada, a de estreia do jovem bracarense.

Foi de partir o coração ver Francisco Moura lesionar-se como disse Carlos Carvalhal, o seu técnico, pela forma que estava a passar e pela forma como era acutilante no corredor esquerdo dos minhotos. Um miúdo a ter em atenção daí António Salvador já o ter blindado com 30€M de cláusula num contrato até 2026.

O ala esquerdo de 21 anos de idade nascido na cidade e representado pela Pro Eleven já tem o seu passe avaliado em €1M de euros.

1. David Carmo

O jovem, David Carmo, tornou-se um elemento decisivo para o eixo defensivo do SC Braga na atual temporada. O pupilo bracarense de apenas 21 anos fez toda a sua formação no clube minhoto onde mostrou sempre muita qualidade e potencial. Na verdade, torna-se importante destacar que o português atuou em 21 jogos pelo Bracarenses, contudo, as suas ausências foram registadas devido à infeção do covid-19 e expulsões.

O jogador que alinha na posição de defesa-central, despertou à atenção do técnico, Carlos Carvalhal, não só pela sua idade e características promissoras, mas também pelas excelentes exibições na equipa B. Contudo, uma fratura tibial e peroneal levou a que o central perde-se o resto da época, o que praticamente garante ao clube minhoto a permanência do central por mais uma época. Qual é o clube que quer investir após uma lesão destas…

Em resumo, torna-se visível que, devido às características que possui, mas também, à experiência que vem conquistando ao serviço Central dos gverreiros, mas com certeza ascenderá rapidamente para outro clube de patamar europeu e entrará também nas convocatórias de Fernando Santos. Portanto, é importante ressaltar que o treinador, Carlos Carvalhal, tem alternativas de experiência suficiente, a saber, Raúl Silva, Rolando, Vitor Tormena e, no entanto, a jovem promessa tornou-se um título indiscutível. Todos nós esperemos que David Carmo recupere bem e regressa o mais rápido possível aos relvados da Liga NOS.

Apesar de ter fechado o TOP há outros nomes na Cidade Desportiva que tenho de referenciar pela sua qualidade superior. Começo pelo ala esquerdo Leonardo Buta (possante, rápido, faz a ala toda com facilidade e qualidade), o trinco Vasco Moreira (muita calma e extrema técnica de passe), o médio ofensivo de origem guineense Hernâni Tchuda (chegou como desconhecido no ano passado mas a sua técnica conquistou tudo e todos), e também, o central promissor Bruno Rodrigues (excelente na construção, assertivo no processo defensivo).

Sou obrigado a referir o guarda redes de origem checa Lukas Hornicek, o central canhoto José Pedro, o extremo Felipe Borges (ex-Grasshoppers) e os avançados Yan Said e Eduardo Ribeiro. De recordar que ainda há Eduardo Soares (puro criatividade e nascido no ano de 2001). Praticamente todos os nomes referenciados neste artigo já assinaram contratos profissionais, dando jus à filosofia implementada por António Salvador na Cidade Desportiva de Braga. Além de tudo mais mostra que há muita expetativa na jovem legião gverreira e que os casos de Trincão e Pedro Neto não foram meros acasos.

Artigos sobre o Futebol Português

Artigos sobre os 3 GRANDES

Artigos sobre a Seleção Nacional

Artigos sobre o Mercado de Transferências

Queres estar atualizado com os principais rumores do mercado de transferências nacional? Subscreve o MTL no YouTube e assiste aos vídeos diários!